Novo material de grafeno é mais resistente do que diamante quando é atingido por uma bala

0 237

Cientistas criaram um novo material chamado diameno, que promete ser tão flexível quanto papel de alumínio, mas suficientemente resistente e duro para parar uma bala. O estudo, liderado pela equipe do Centro Avançado de Pesquisa Científica (ASRC) na Universidade da Cidade de Nova York (CUNY), uma das mais situadas instituições de pesquisa científica, foi publicado na Nature Nanotechnology.

Eles mostraram como duas camadas de grafeno (cada uma com um átomo de espessura) poderiam ser usadas para produzir um material semelhante a um diamante após o impacto à temperatura ambiente. Existem potencialmente muitos usos de tal material, desde revestimentos protetores resistentes à água até armaduras ultra-leves à prova de balas.

“Este é o filme mais fino com a rigidez e dureza do diamante já criado”, disse Elisa Riedo, professora de física no ASRC e pesquisadora principal do projeto, em um comunicado. “Anteriormente, quando testávamos grafite ou uma única camada atômica de grafeno, aplicaríamos pressão e sentiríamos um filme muito suave. Mas quando o filme de grafite era exatamente de duas camadas de espessura, de repente percebemos que o material sob pressão se tornava extremamente duro e tão rígido, ou mais rígido, do que diamante em massa”.

Diameno é macio e flexível até a pressão ser aplicada, quando se torna muito mais rígido. Então, se atirarem uma bala em diameno, por exemplo, isso a impedirá de atravessá-lo. Foi primeiro teorizado usando simulações computacionais neste estudo. Então, um microscópio de força atômica foi usado para aplicar pressão ao grafeno de duas camadas, encontrando um acordo com os cálculos.

Impressão artística de uma folha de grafeno ondulado

Curiosamente, a transição grafeno-diamante só ocorreu com exatamente duas camadas de grafeno. Mais ou menos que isso não funcionou.

“O grafite e os diamantes são ambos feitos inteiramente de carbono, mas os átomos estão dispostos de forma diferente em cada material, dando-lhes propriedades distintas, como dureza, flexibilidade e condução elétrica”, disse Angelo Bongiorno da CUNY, parte da equipe de pesquisa. “Nossa nova técnica nos permite manipular grafite para que possa assumir as propriedades benéficas de um diamante em condições específicas”.

O grafeno é o “material milagroso” que foi essencialmente descoberto pela primeira vez em 2004, feito pela tiragem de grafite em uma única camada de átomos. Desde então, os cientistas propuseram uma série de novos usos para o material, desde energia limpa até lentes de visão noturna. Agora, armaduras corporais podem aparentemente ser adicionadas à lista.

Fonte: IFL Science

Receba as nossas postagens por e-mail. É grátis.
Junte-se aos mais de 25.000 outros assinantes
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: