15 anos atrás essas trigêmeas nasceram presas, hoje em dia elas parecem irreconhecíveis

939

Com o tempo, conseguimos perceber que nenhum diagnóstico médico pode determinar o curso de qualquer caso, por mais fácil ou complicado, imprevisto ou perigoso que possa ser. Em muitos casos esse tipo de situação pode ser provocada, principalmente em gestações múltiplas, pois trazem consigo grandes desafios que, se não abordados de maneira relevante, podem representar um grande risco para a vida da mãe e é claro dos bebês.

Em relação ao nascimento de siameses, essa é uma das condições mais perigosas já conhecida e pode ser ainda mais complicada, dependendo do número de órgãos compartilhados pelos bebês.

Esses problemas podem ser aumentados transformando essa situação em algo muito mais delicado quando não se trata apenas dois bebês, mas três, e ainda colocando a vida da mãe e dos pequenos em perigo eminente.

Um exemplo claro é a história das irmãs Macy, Mackenzie e Madeline, a história delas é um dos dois casos conhecidos no mundo. Quando as trigêmeas nasceram, seus pais tiveram que lidar com a realidade de que duas das pequenas eram siameses.

Desde pequenas, este trio sofreu muito, não só pela sua condição física e pelos problemas de saúde que apresentaram, mas também pelo abandono dos pais que não apoiaram a situação.

Mas suas vidas tomaram um rumo inesperado transformando suas histórias em um conto de fadas.

Macey e Mackenzie são gêmeas siamesas, e esta é uma condição incomum, já que existe apenas um outro caso documentado no mundo.

A condição dessas pequenas representava um risco para elas e sua mãe.

As chances de sobrevivência delas eram muito pequenas. E se isso não bastasse, seus pais decidiram entregá-las para a adoção porque não tinham a capacidade emocional ou econômica de pagar pelas despesas, complicações e necessidades que seu estado de saúde trazia.

Os médicos fizeram todo o possível para salvar as vidas das meninas enquanto uma família decidiu adotá-las. As crianças tinham que tomar uma grande quantidade de medicamentos, tiveram que suportar sondas, fios e muitos outros procedimentos médicos que as ajudariam a manter uma condição física estável, enquanto tomavam uma decisão sobre sua situação.

Apesar do que muitas pessoas pensavam, sua vida melhorara consideravelmente.

Darla e Jeff Garrison foi o casal que queria adotá-las, depois de conhecerem o caso delas, eles se interessaram e apesar de não terem um grande recurso econômico e já terem três filhos, não pensaram duas vezes. 

Com grande esforço, o casal arrecadou dinheiro suficiente para as gêmeas serem separadas. O procedimento cirúrgico foi realizado com sucesso, e sem complicações.

Com apenas 9 meses de idade e 24 horas de cirurgia, a operação foi um sucesso. A cirurgia começou por esticar a pele com expansores, tomando muito cuidado para não causar grandes danos. Sua recuperação foi tardia, mas satisfatória.

Naquela época, uma nova história começou para as meninas e sua nova família. Devido à separação de seus corpos, cada menina ficou com apenas uma perna, mas foi resolvida com uma prótese personalizada para cada menina, além de sessões intensas de fisioterapia que as ajudariam a desenvolver uma tonificação muscular adequada que lhes permitiria uma melhor mobilidade.

Com o passar do tempo, a adoção pode ser feita oficialmente. Quando a fase mais crítica de sua reabilitação aconteceu, Jeff, Darla e toda a família se mudaram para os arredores de Iowa, para uma fazenda confortável.

As trigêmeas ficaram saudáveis ​​e muito felizes, além disso, levaram uma infância muito normal, apesar de suas limitações físicas.  As pessoas próximas sempre procuravam dar-lhes o apoio necessário para que se sentissem mais confortáveis ​​e seguras.

A história dessas jovens é um grande exemplo de amor e coragem. Sua família mostrou que não há nada que possa deter a felicidade quando existe um grande vínculo de amor e um coração bondoso.

E embora essas jovens não conheçam seus pais biológicos, elas se declaram muito felizes na família que as adotou e deram a elas o que é necessário para progredir. 

Este mundo precisa de mais pessoas como Jeff e Darla!

Fonte: [usatoday]

Receba as nossas postagens por e-mail. É grátis.
Junte-se aos mais de 25.000 outros assinantes
Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento

Comments are closed, but trackbacks and pingbacks are open.

%d blogueiros gostam disto: